sharing to multiply: you can do it too!

board8

E o que ganhamos com isso? O que nós, marketeiros, comunicadores, criadores de marca podemos tirar deste novo comportamento?

É indiscutível que o ato de compartilhar, seja lá o que for, faz aumentar a variedade de coisas que você use, além de abrir possibilidades para realmente possuir o que vale ser possuído, e usar por tempo determinado aquilo que fatalmente teria um fim mais rápido (seja porque você já não quer mais, ou porque realmente não é necessário).

Vejo como oportunidade interessante, de cara, os testes e estudos de perfis x behavior. Quando abrimos a possibilidade de o consumidor provar, alugar, ter por tempo determinado algum objeto ou serviço, podemos criar análises interessantes de quem usa o quê, por quanto tempo, em quais situações.
E usar este aprendizado para desenvolver produtos de nicho, específicos a cada público.

Além disso, como todo bom marketeiro deve visar lucro e giro, podemos pensar numa equação esquisita, mas que se torna verdade: quanto menos se tem, mais se pode ter. Quando o consumidor usa o que quer, pelo tempo que necessita, no momento seguinte poderá ter novas necessidades e criar um ciclo de “compras efêmeras” bastante lucrativo.

Vale parar para pensar como o seu negócio pode tirar proveito desta tendência. E novas idéias são sempre bem-vindas aqui.

Advertisements

Leave a comment

Filed under no comportamento, no consumo

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s